Protegendo a prancha em viagens

Com o advento das viagens aéreas e dos problemas de se transportar nossos “troncos” nos aviões, foi preciso desenvolver algumas técnicas para proteger as pranchas.

Esta dica é de como proteger o bico e a rabeta da prancha (ou mesmo a prancha toda) para transportá-la em viagens de avião, onde geralmente o pessoal dos aeroportos tem pouco cuidado, usando um daqueles “espaguetes” de hidroginástica.


Abaixo estão algumas fotos de como fica a solução na prática:



Pode-se ainda cobrir todas as bordas da prancha usando a mesma técnica, só gastando mais de um “espaguete”. No meu caso específico, coloquei ainda a “camisinha” na prancha, envolvi a prancha em 3 camadas de plástico-bolha e ainda coloquei a capa da prancha cobrindo tudo. Não aumentou muito o peso, funcionou muito bem e a prancha foi e voltou sem danos.

Posted in Sem categoria